Varão e Varoa

O estudo é direcionado a casais, porém, todos os conceitos, exceto o de ligação física são válidos para namorados. Ao ler “marido”, leia também “namorado, ao ler “esposa” leia também “namorada”. Todo texto bíblico deve ser lido com absoluta atenção, muito mais do que ao texto que aqui escrevo.

Logo que iniciamos a leitura do livro de Gênesis nos deparamos com o clássico texto da criação do homem e da mulher. Lemos também sobre a instituição do relacionamento conjugal entre os sexos distintos, ou seja, a instituição da família.

Muitas vezes deixamos de reparar alguns detalhes importantíssimos para a compreensão adequada e profunda do texto:

  1. Leia Gênesis 1.26-28 e 2.5-7. Antes da concepção física da mulher(quando é tomada da costela de Adão) esta já havia sido criada, não fisicamente, mas concebida no coração de Deus. Ambos os sexos foram projetados pelo SENHOR simultâneamente!
  2. Leia Gênesis 2.18-22. Logo depois o SENHOR diz que não é bom que o homem esteja sozinho. Por isso Ele presenteia ao homem com uma “ajudadora que lhe seja idônea“. Idônea significa “equivalente”, “à mesma altura”. Diante do SENHOR o homem não é superior à mulher nem a mulher ao homem(Gálatas 3.28). O que nosso Deus sabiamente decidiu foi dar ao homem o papel de liderança familiar.
  3. Leia Gênesis 2.23-25. Deus não quer que haja mera união no relacionamento amoroso, mas sim unidade. Note que até o devido momento não existia “Eva”, apenas “varão e varoa” ou , “homem e mulher”. O fato é que isso deixou de ser assim apenas após o pecado. Leia Gênsis 3.1-24. Atente para o versículo 20. Após o pecado vem a punição do SENHOR para toda humanidade, trazendo grandes fardos para ambos os sexos. Só aí há uma real divisão sexual. O pecado é que traz a contenda entre o homem  e a mulher e a quebra da santa unidade matrimonial. Adão só batizou Eva após o pecado! Isso significa que desde então Adão e Eva deixaram a unidade total. Uma vez que a divisão do pecado levou Adão a diferenciar sua esposa de si mesmo, ele deu a ela um nome: Eva.

A vontade do SENHOR é que haja unidade no relacionamento conjugal. Ao ponto de não haver diferenciação de um e de outro, uma só carne. Isto não significa que as características sexuais e individuais deixarão de existir, mas sim que um  completará ao outro.

Para melhor compreensão destas expressões, vamos tomar como exemplo o corpo humano(como o próprio texto diz, serão uma só carne, isto é um só corpo humano). Em nosso corpo cada orgão e cada sistema trabalha em harmonia para que haja o perfeito funcionamento do todo. O casal é este todo, sendo o um “orgão” homem e o outro “orgão” a mulher, e sendo, é claro, o cérebro nosso Deus Todo Poderoso! É fato é que nosso fígado, por exemplo, exerce função absolutamente diferente de nosso pulmão, entretanto, os dois são igualmente vitais. De forma que o fígado não pode dizer que é mais importante que o pulmão, nem o pulmão que é mais importante que o fígado. Este conceito pode ser estendido à todo relacionamento da comunidade cristã, porém não abordaremos este assunto na postagem. Leia 1 Coríntios 12.12-27 para uma melhor compreensão destas analogias.

Para a aplicação destes conceitos na vida cotidiana de um casal poderemos pensar no seguinte exemplo: O que acontece quando sua garganta inflama? A inflamação na garganta é algo aparentemente simples, porém, gera um desequilíbrio no corpo. Este desequilibrio gera febre, dores musculares, indisposição, dificuldade de engolir, pus na garganta, mau hálito e em alguns casos dores no ouvido, podendo se agravar se não for tratado adequadamente. Da mesma forma é o pecado na vida do casal. Por “menor”(aparentemente, pois pecado é pecado) que seja o pecado, este gera um desequilíbriol. Esta enfermidade espiritual não sendo tratada adequadamente(oração, diálogo, confissão, arrependimento e mudança), se agrava, gerando até mesmo morte do casal.

Queridos irmãos, vigiai, pois as intenções do maligno são de destruir a primeira instituição divina, a família. Para destruir a família o inimigo ataca primeiro o principal: o casal. Leia Efésios 5.22-33. Marido, ame sua esposa como Cristo ama à Igreja! Lidere como Cristo liderou, servindo e abrindo mão de tudo,  a fim de nos tornar santos. Aos maridos, sobretudo os que sentem dificuldade de compreender e amar suas esposas leiam 1 Pedro 3.7. Esposa, reverencie seu marido assim como nós buscamos honrar a Cristo. Acaso algum cristão verdadeiro obedece a Deus contrariado ou por mera obrigação? Não! Antes nos sujeitamos em amor, mesmo que não compreendendo algumas vezes, mas com gozo. Da mesma forma a mulher deve se sujeitar ao marido, regozijando por isso. Às mulheres, sobretudo as que sentem dificuldade na submissão a seus maridos, rogo que leiam 1 Pedro 3.1-6.

Casal, santifique-se, pois esta é a vontade do SENHOR! Orem juntos, dialoguem, confessem seus pecados um ao outro. Ouça bem o que seu cônjuge tem a dizer, mesmo que aparentemente não tenha tanta importância é sim importante. Esmerem-se na busca da harmonia e da unidadeSobre todas as coisas, estejam, em tudo, sujeitos ao SENHOR e à sua Palavra. Só assim é possível viver uma vida matrimonial plena e cheia das mais que abundantes graças do SENHOR!

“Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula” (Hebreus 13:4a)

Anúncios

Sobre Ygor Canalli

Servo de Jesus Cristo
Esse post foi publicado em Devocional, Estudos Bíblicos e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Varão e Varoa

  1. Sâmara disse:

    Esse texto ta com maior cara ” continua” rs
    Ygor faz parte 2!!!!!! sim sim parte 2!!

    Quanto a parte ” Ao ponto de não haver diferenciação de um e de outro, uma só carne. Porém trazemos a divisão através de nosso pecado, quebrando a perfeita unidade matrimonial planejada por Deus antes mesmo do homem ser criado”.

    Fiquei meio confusa nessa parte.. Eu acredito que Deus fez o homem e a mulher para serem diferentes, mas para se completaram. Porque ele diz “ajudadora idônea” ajudadora equivalente, a altura mas não idêntica, igual. Não sei se vc quis falar isso em outro sentido, mas acredito que a consequência do pecado do homem, foram as dores q agora ele sente (trabalho forçado, dores de parto) talvez até as brigas, discussões q ele tem com a mulher e vice-versa. Talvez existisse uma harmonia perfeita q foi quebrada com o pecado…

    “O pecado é que traz a divisão sexual e a quebra da unicidade matrimonial.”
    também não entendi…
    =T

    Mas vou te contar uma coisa, quem escreveu o artigo..hm … é o homem mais lindo que Deus já criou.
    =)

    • Ygor Canalli disse:

      Muito obrigado pela ajuda minha amada. Comentário lido, avaliado e atendido. O post foi atualizado, as afirmações nebulosas explanadas e o final complementado!
      Mas vou te contar uma coisa, que escreveu este comentário..hum… é a mulher mais linda que Deus já criou. 😉

  2. Sâmara ama o Ygor disse:

    yuhulll lindoooo
    graças ao Pai ficou tudo tão bonito querido!
    Que bom de verdade, dá pra entender bem melhor!
    Um chero procê.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s