Jônatas, o Valente

Muitas vezes lemos histórias na Bíblia sobre homens valentes. Quero contar-lhes um pouco sobre um homem valente e com muita fé em Deus: Jônatas.

Certa vez, Saul, rei de Israel, e Jônatas, seu filho, saíram para batalhar contra os filisteus. Saul decidiu dividir o exercito em 3 partes. Duas partes ficaram sob o comando de Saul e uma sob o comando de Jônatas. Cada um foi para um lado, Jônatas foi corajoso e decidiu atacar uma tropa inimiga, mas Saul permaneceu no arraial(acampamento de batalha). Como Jônatas era um homem valente e valoroso, muito temente a Deus, o SENHOR deu vitória para ele. Porém seu pai, homem invejoso e com ego estufado, tomou o crédito da vitória para si.

Certo tempo depois, a situação de Israel era muito preocupante, pois os filisteus eram militarmente muito superiores ao povo de Deus: Os filisteus tinham 30 mil carros de guerra(tanques de guerra do mundo antigo) e 6 mil cavaleiros. Israel tinha 600 homens sem armas de guerra, só ferramentas(enxada, machado de lenha, aguilhada de boi, etc). Israel temeu grandemente e se esconderam nas cavernas, nos penhascos e nos espinhais.

Em meio a isso tudo, o SENHOR traz o livramento através desse valente herói(que não tinha “super poderes”), Jônatas.

Jônatas, guiado por Deus, sai dos esconderijos sem tropa alguma, apenas com seu escudeiro. Eles dois vão sozinhos à guarnição dos filisteus e fazem um propósito com o SENHOR. Eles apareceriam para os guardas, caso os filisteus chamassem eles para virem lutar, eles iriam, pois isso significaria que Deus daria vitória para eles. Porém se os inimigos fossem para cima deles, significaria que não era para eles batalharem. Eles apareceram para os guardas e estes disseram algo como: “Vem cá que nós vamos ensinar uma lição!”. Jônatas falou para seu escudeiro: “Vem atrás de mim que o SENHOR entregou eles nas nossas mãos!”. Eles dois subiram corajosamente, confiantes no SENHOR, contra todo o exército inimigo.

Você agora deve estar pensando que eles eram dois retardados sem noção, pensando que iam vencer todo o exército sozinhos. Mas a diferença é que eles sabiam que não venceriam com suas armas e suas forças, eles tinham certeza da vitória porque confiavam no poder de Deus.

Nossos heróis foram sozinhos, Jônatas derrotando inimigos pela frente e seu escudeiro ia os matando logo atrás dele. Eles sozinhos venceram uns 20 homens. Essa valentia dos homens de Deus causou um grande medo no arraial inimigo, e eles ficaram alvoroçados por causa do temor de Deus! Saul e o exército de Israel viram de longe que os inimigos fugiam e se debatiam. A confusão no arraial filisteu ia crescendo até tomar todo o exército inimigo. O tumulto era tão grande que um filisteu começou a matar o outro. Por conta desse fuga e pânico desenfreado do exercito inimigo, Israel atacou e Deus lhes deu vitória. Essa história pode ser conferida em 1 Samuel 13 e 14. Ao longo de todo livro, Jônatas demonstra sua valentia e confiança em Deus, sendo usado pelo SENHOR inúmeras vezes.

Talvez você esteja pensando: “E eu com isso, não sou nem soldado”. Mas olhe por um outro lado. Na vida cotidiana enfrentamos muitas situação de batalha(a luda do dia a dia). Em meio a isso tudo, somos injustiçados inúmeras vezes. Nós, geralmente, temos duas reações naturais: Se revoltar e achar que é forte para tentar resolver tudo sozinho, ou se esconder e mergulhar em autopiedade. Pode ter certeza que qualquer uma dessas duas reações vai te levar ao fracasso. Se você enfrenta batalhas, faça como Jônatas. Confie em Deus e no poder d’Ele para te ajudar, seja lá qual for a situação. Medite na palavra de Deus, e faça como Jônatas, tenha coragem para tomar a atitude correta. Você sabe o que é certo e o que é errado. Fazer o certo é sempre mais difícil. Agora só resta saber: Você é corajoso o suficiente para fazer o certo? Ou é tão covarde que não faz o certo? Está aí a linha que separa os fortes dos fracos. Separa o corajoso do covarde, o vencedor do derrotado. Descida você qual deles prefere ser: O vitorioso, que tem coragem para fazer o certo, ou o derrotado que não tem coragem ter uma vida aos pés do SENHOR.

“Disse, pois, Jônatas ao moço que lhe levava as armas: Vem, passemos à guarnição destes incircuncisos; porventura operará o SENHOR por nós, porque para com o SENHOR nenhum impedimento há de livrar com muitos ou com poucos.” (1 Samuel 14:6)

Anúncios

Sobre Ygor Canalli

Servo de Jesus Cristo
Esse post foi publicado em Devocional e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s